My Bloody Valentine - Loveless

My Bloody Valentine - Loveless

Por: Lucas Gabriel

Noise! Noise! N-O-I-S-E! Essa é a primeira palavra que sempre vem na minha mente quando penso em My Bloody Valentine, principalmente quando o assunto é o seu clássico disco Loveless.

A capa do Loveless já é uma amostra do que encontraríamos musicalmente no disco - uma guitarra borrada de fundo, um efeito distorcido na camada frontal e uma cor saturada -, e isso é praticamente o que ouvimos no álbum todo, um "borrão" de guitarras no fundo (na frente, nos lados, encima, embaixo, em todo lugar!), uma ambientação alucinógena e um andamento plano.

Utilizar guitarras nas camadas superiores ao invés de vocais é uma característica muito particular do shoegaze, e das bandas "mães" do estilo - Ride, Slowdive e, até mesmo, Sonic Youth (mais precisamente no Washing Machine), porém, quem expõe isso em maior evidência é o próprio My Bloody Valentine no Loveless, onde é praticamente impossível entender as letras das músicas ao ouvi-las, pois as vozes estão tão soterradas por baixo dos 'reverbs', 'delays' e distorções das guitarras, que parecem ser mais movimentos sonoros que fluem na mesma onda "melódica" em que os instrumentos estão indo.

Para quem não está familiarizado com o estilo, pode parecer até mesmo que a produção do disco é péssima por não conseguir entregar um vocal minimamente presente, mas, o propósito é esse mesmo, fazer com  que as guitarras nos levem para uma viagem louca e que nos faça sentir aquela sensação psicodélica e alucinante, como se estivéssemos flutuando entre nuvens ou correndo numa névoa.

Do começo ao fim do Loveless somos guiados num mesmo fluxo plano, sem variações melódicas, quebradas, pontes ou qualquer coisa do tipo. O som realmente funciona como uma paisagem nebulosa o qual apreciamos pela sua forma densa de nos colocar num estado de abstração e vertigens sonoras. 

  • Músicas principais: Only Shallow, When You Sleep, Soon
  • Músicas favoritas: Soon, What You Want

Resenhas em Destaque

Vibe

Ouça nosso podcast na sua plataforma preferida
Spotify Deezer Google Itunes