Portishead - Dummy

Portishead - Dummy

Por: Lucas Gabriel

Dono de uma das discografias mais criativas, o Portishead consegue trabalhar nas suas músicas diversas texturas sonoras distintas e que dão o tom diferente para o seu som. O Dummy, primeiro álbum da banda, lançado em 1994, foi quem nos apresentou pela primeira vez a originalidade da banda e, consequentemente, tornou-se uma das maiores referências do triphop e ajudou a solidificar o estilo nos anos 90.

Carregado de influências do jazz e soul, e com batidas marcantes de house e música eletrônica, o Dummy deu um assinatura musical única para o Portishead, unindo diversos elementos sonoros diferentes de maneira muito criativa. Tudo isso feito sob a tutela de Geoff Barrow, o qual, além de se responsabilizar pela produção dos discos, também é o membro mais dinâmico da banda, fazendo papel de multi-instrumentista e experimentalista. Por meio das suas bases bem construídas com samples/synths/beats, a voz de Beth Gibbons vagueia naturalmente com seu timbre exótico e pegada sedutora.

Uma das coisas que mais admiro no Portishead é de como conseguem utilizar sons baixos/graves de forma incrível, quase no limite de estourar os falantes, como nas Wandering Star, Numb e Pedestal.

Roads é um exemplo de como o Portishead pode nos afetar intensamente com seus vários tons sentimentais - amoroso, carinhoso, possessivo, triste, etc. E isso é possível pela forma incrível como conseguem utilizar timbres sintetizados com orgânicos, misturando violinos, guitarras, teclado/synth e batidas, num mesmo propósito e compreensão. O mesmo acontece em Glory Box, fechamento perfeito do disco.

O Dummy é um disco graciosamente esquisito que contempla diversas virtudes admiráveis, seja pela sua sonoridade, criatividade ou sentimento, do começo ao fim somos guiados pelo Portishead numa viagem inspiradora sem igual e que fica marcado para sempre na nossa mente e coração.

  • Músicas principais: Sour Times, Roads, Glory Box
  • Músicas favoritas: Roads, Glory Box, Wandering Star

Resenhas em Destaque

Vibe

Ouça nosso podcast na sua plataforma preferida
Spotify Deezer Google Itunes